terça-feira, 7 de janeiro de 2020

Reisado de São Benedito é festejado em Cairu neste domingo

Mantendo a tradição quadricentenária, os moradores do município de Cairu, no Baixo Sul da Bahia, celebram o Reisado de São Benedito nos dias 12 e 13 de janeiro. Os festejos louvam um dos padroeiros da cidade, unindo em harmonia o sagrado e o profano com espaço para música e sincretismo. 
A festa, tradição do Brasil Império, tem na noite de sábado apresentações com atrações musicais. Os festejos seguem no domingo às 10h com celebração de missa solene, cortejo pelas ruas da cidade com participação de grupos culturais, além de shows à noite.
A cidade preparou uma programação especial que começa com a missa solene no Convento de Santo Antônio, de acordo com a memória centenária. A festa conta também com apresentações de grupos folclóricos da região, com Congos e Chegança, Fanfarra Municipal e a Filarmônica Centro Popular Cairuense. 
O ponto alto do festejo é quando as famílias voltam a se reunir no adro do convento para o anúncio do novo reinado. Neste momento acontece a descida da bandeira de São Benedito. No mastro estão presos pedaços de cana que, segundo a tradição religiosa, serve para curar diversas enfermidades. Por isso, é dividido entre os presentes.
Além da programação religiosa, a Prefeitura, através da Secretaria de Cultura, preparou uma programação especial com uma série de shows que acontecem sábado (11) e domingo (12). No palco, atrações como Banda Samba Connós, Flavinho e a Carreta, Lucinho Mendes, Tom Black, Pirilampo, Sinho Bernardo e Canindé irão animar a festa.

São Benedito
O santo protetor dos negros e escravos, conhecido mundialmente, tem uma história de vida repleta de valores humanos admirados por devotos e adoradores. A simplicidade, humildade, amor a Deus e ao próximo são algumas das características que tornaram São Benedito uma referência religiosa, inicialmente em Portugal pelos negros.
O dia 26 de Dezembro foi escolhido para celebrar o culto a São Benedito, tornando-se uma tradição que vem do Brasil Império até hoje, rica em sincretismo religioso e muitas manifestações folclóricas repletas de história e cores adornadas com miçangas e lantejoulas. Em Cairu, a celebração acontece sempre no segundo domingo de janeiro, em virtude das celebrações da Festa dos Santos Reis.
LK COMUNICAÇÃO

0 comentários:

‹‹ Postagem mais recente Postagem mais antiga ››