quinta-feira, 2 de janeiro de 2020

Acidentes com mortes das rodovias federais baianas têm redução de 75%


A Polícia Rodoviária Federal encerrou, na noite desta quarta-feira (1), a Operação Ano Novo realizada nas rodovias federais que passam pela Bahia. Segundo o balanço da PRF, houve uma queda de 16% no número de acidentes e redução de 75% no número de mortes, em relação ao ano anterior.
A Operação Ano Novo iniciou no último sábado (28) e teve como principal foco as infrações relacionadas com ultrapassagens proibidas, embriaguez ao volante, o não uso do cinto de segurança e demais dispositivos de retenção obrigatórios, o uso do celular ao volante, o transporte de carga e trânsito irregular de motocicletas e ciclomotores.
A PRF atuou 2.920 motoristas em infrações diversas. Foram fiscalizados um total de 8.591 veículos e 9.275 pessoas no período da operação. A infração que teve o maior número de autos extraídos foi a de ultrapassagem proibida com 589 registros.
Durante as abordagens, foram realizados 5.295 testes com etilômetro (bafômetro), que flagraram 85 condutores dirigindo sob efeito do álcool, infração gravíssima, com multa de R$ 2.934,70.
Nas fiscalizações, a PRF também emitiu 41 autos de infração para motociclistas ou passageiro sem capacete e sete motoristas foram flagrados usando celular no volante. Sem o cinto de segurança foram 223 autuações.
Acidentes durante o feriado
A PRF baiana registrou uma redução no número de acidentes totais de 16%, comparado ao ano anterior. Em 2018, as estradas federais que cortam a Bahia tiveram o registro de 43 acidentes, já em 2019 foram apenas 36.
Entre os acidentes registrados, 13 deles foram graves e resultou em uma morte. Houve redução também no número de mortes em acidentes nas rodovias federais. Segundo a PRF, duas pessoas morreram durante o feriado, trazendo uma redução de 75% com relação ao ano anterior quando oito pessoas morreram.
Contudo, o número de pessoas feridas aumentou em 2019. De 56 pessoas feridas em 2018, houve um aumento de 5% em 2019 subindo para 59 pessoas feridas nas rodovias federais baianas. Bahia.ba

0 comentários:

‹‹ Postagem mais recente Postagem mais antiga ››