segunda-feira, 29 de julho de 2019

Recuperação de carteiras escolares gera economia de recursos públicos em Cairu



Visando otimizar o uso das verbas da Educação, a Prefeitura de Cairu optou pela reciclagem de cadeiras das escolas e creches. Uma oficina foi montada na Sede do município para lixar, pintar e montar as peças das cadeiras que, após revitalizadas, ficam como novas. As cadeiras quebradas foram recolhidas de todas as escolas e creches aproveitando a viagem de retorno  dos barcos que entregam a alimentação escolar.
"Fizemos uma ação de retirada de todas as carteiras com defeito ou faltando peças que estavam  ocupando os espacos das  escolas. Agora, devolvemos devidamente recuperadas para serem reutilizadas. Se fossemos comprar toda essa quantidade de carteiras que estamos reaproveitando, o investimento seria 9 vezes maior. Assim, direcionamos o recurso para comprar aquilo que não temos e que estamos precisando", frisou a secretária da Educação, Luana Figueiredo.
Este ano, já foram reformadas 800 carteiras que estavam em desuso. A previsão é continuar o trabalho de preservação do patrimônio público nas escolas e creches para conscientizar os alunos a conservar os equipamentos e mobiliário, bem como estimular que eles fiscalizem  os colegas para criar um ambiente de cuidado e valorização do bem público. O projeto "Da Minha Escola Cuido Eu" fomenta o sentimento de pertencimento e de responsabilidade com a coisa pública, além de incentivar a criação de espaços nas escolas que tenham a participação da comunidade, assim como a confecção de brinquedos educativos, jogos pedagógicos, plantação de hortas e canteiros, etc.  Pais, diretores, coordenadores, professores,  alunos, comerciantes locais e até mesmo turistas já se envolveram nesse projeto.
"A ideia é que a escola seja mais bem cuidada com a participação de todos, recebendo mais equipamentos e móveis novos ao final deste ano, e assim ensinamos que quanto mais a gente valoriza a nossa escola, mais a melhoramos a Educação pública", ressaltou o prefeito Fernando Brito.



0 comentários:

‹‹ Postagem mais recente Postagem mais antiga ››