terça-feira, 28 de maio de 2019

Tite não dá faixa a Neymar e anuncia Daniel Alves como capitão da seleção na Copa América

Foto: Lucas Figueiredo/CBF
Foto: Lucas Figueiredo/CBF

Tite escolheu o lateral-direito Daniel Alves para ser o capitão da equipe nos dois jogos amistosos – contra o Catar, no dia 5 em Brasília; e contra Honduras, no dia 9 em Porto Alegre – e durante a Copa América.
O treinador decidiu não dar a faixa a Neymar após o atleta ter dado um soco em um torcedor na final da Copa da França. O PSG, clube do camisa 10 da seleção, foi derrotado nos pênaltis pelo Rennes no dia 27 de abril.
Neymar foi comunicado pelo treinador da decisão no último sábado, quando se apresentou. Daniel soube no domingo que receberia a braçadeira.
Daniel Alves
O lateral-direito, com 36 anos, é o jogador mais velho e com o maior número de convocações (138) do atual grupo de 23 atletas chamados para a competição. Ele foi campeão da Copa América em 2007 e da Copa das Confederações em 2009 e 2013.
De acordo com a Confederação Brasileira de Futebol (CBF), “a última vez que o lateral-direito usou a braçadeira foi na vitória por 1 a 0 contra a Alemanha, em março de 2018, coincidentemente sua última partida pela seleção antes da lesão que o retirou da Copa da Rússia”.
Estreia na Copa América
O Brasil estreia na Copa América contra a Bolívia, no dia 14 de junho, às 21h30, no Estádio do Morumbi, em São Paulo. O jogo marca a abertura da competição, que vai até 7 de julho, com a partida final marcada para o Estádio do Maracanã, no Rio de Janeiro.

Bahia.ba*

0 comentários:

‹‹ Postagem mais recente Postagem mais antiga ››