quinta-feira, 4 de julho de 2019

Peru vence o Chile e vai disputar final da Copa América contra o Brasil


O sonho do Chile de buscar o tricampeonato da Copa América chegou ao fim. O Peru teve bom desempenho e venceu os atuais campeões do torneio por 3 a 0 para garantir uma vaga na final contra o Brasil. A seleção comandada por Ricardo Gareca demonstrou desde o início que não se abalou com o frio que está em Porto Alegre, com temperatura próxima dos dez graus, e começou o jogo pressionando o Chile.
O Peru abriu o placar aos 20 minutos do primeiro tempo com Flores. O meia-atacante aproveitou cruzamento da direita para fuzilar a meta defendida por Arias e colocar a seleção peruana em vantagem. O Chile sentiu o gol e sofreu para se reencontrar dentro da partida. Foi aí que o Peru aproveitou para ampliar o placar. Após chutão para frente, Carillo aproveitou saída errada do gol de Arias para cruzar em direção à área e Yotún apenas empurrou para o fundo da rede para fazer 2 a 0. O lance mais perigoso do Chile na primeira etapa aconteceu próximo ao intervalo, quando Gallese fez boa defesa após chute de Fuenzalida.
O Chile voltou do intervalo mais ligado e passou a pressionar a seleção peruana. No entanto, quem chegou mais perto de marcar foi o Peru. Guerrero, que foi constantemente vaiado pelos 33 mil torcedores que compareceram ao estádio, cruzou para a área em direção a Cueva, que deixou Yotún na cara do gol. Só que o volante finalizou forte demais e acabou desperdiçando chance clara de gol.
Vargas e Vidal ainda tiveram boas oportunidades de diminuir o placar, mas Gallese fez boas defesas e evitou que o Chile fizesse o seu gol de honra.
No fim, a torcida se divertiu e entoou gritos de “olé” enquanto a seleção peruana trocava passes. Guerrero ainda deixou o seu aos 46 minutos do segundo tempo: o atacante do Internacional recebeu passe em profundidade, driblou o goleiro e apenas empurrou para o fundo da rede.
O Chile ainda teve um pênalti a seu favor marcado com auxílio do VAR no último minuto após Aranguiz ser derrubado na área. Vargas foi para a cobrança e arriscou uma cavadinha, mas Gallese defendeu com tranquilidade.
Agora, o Chile volta a entrar em campo no sábado (06), às 16h (de Brasília), na Arena Corinthians, quando enfrenta a Argentina na disputa pelo terceiro lugar. Já o Peru enfrenta o Brasil no domingo (07), no Maracanã, às 17h (de Brasília).
*Uol

0 comentários:

‹‹ Postagem mais recente Postagem mais antiga ››